segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Origem do Tereré


Origem

A origem do tereré data da invasão européia por castelhanos e portugueses, quando era usado pelas tribos guarani, nhandeva, kaiowá e outra etnias chaquenhas, muito antes da Guerra do Paraguai e da Guerra do Chaco (entre Paraguai e Bolívia, 1932-1935), quando as tropas começaram a beber mate frio para não acender fogos que denunciariam sua posição. Isso possivelmente na região de Ponta Porã, que na época pertencia ao Paraguai.



Guampa e bomba


Tradicionalmente, o recipiente usado para servir o tereré é a guampa, fabricado com parte de um chifre de bovino, com uma das extremidades lacrada com madeira ou couro de boi, e o seu exterior revestido por verniz. Usa-se também copos de alumínio, vidro, plástico, ou canecas de louça.

A bomba é utilizada para filtrar a infusão do tereré, para que não se absorva o pó da erva triturada. As bombas são feitas normalmente de alumínio e nunca devem ser feitas de ferro por causa da oxidação, que altera o sabor da infusão. Também é possível encontrar bombas feitas de ouro, prata, alpaca , aço inox e também de plástico descartável.

Consumo

A palavra é onomatopéica tereré, referindo-se ao som emitido pela última chupada do bulbo. Esse som é tacitamente exigido dentro da cerimônia do tereré, uma vez que confirma que todo o líquido foi consumido, deixando o recipiente pronto para a próxima pessoa. O tereré é consumido tanto no verão como no inverno, dia e noite: não há calendário para o seu consumo. O tereré em rodas de bate-papo é indispensável. Mas consumido com remedios refrescantes pela manhã a partir das 9 horas serve para abrir o apetite, onde adultos e crianças podem consumir, sem dizer, que é um ótimo diurético.

Canções sobre Tereré:

O grupo sul-matogrossense Zíngaro lançou a canção "Roda de Tereré", sucesso regional e dançante. Outro artista, só que agora no Paraguai, também faz alusão à dinâmica do Tereré. O nome do cantor é Sacachispa e o nome da música é muito original: Tereré.

Ajude-nos a melhorar deixe seu comentário.

Créditos: http://pt.wikipedia.org/wiki/Tereré

Nenhum comentário:

Postar um comentário